Para seguir este Blog, click no botão abaixo.

sábado, 19 de novembro de 2011

QUE SOLO É VOCÊ?

                                      
                                       QUE SOLO É VOCÊ?
Texto: (Marcos: 4:20). Os que foram semeados em boa terra são aqueles que ouvem a palavra e a recebem, frutificando a trinta, a sessenta e a cem por um.
INTRODUÇÃO:
A parábola do semeador e dos quatro tipos de solos nos quais a semente foi lançada, certamente é uma das passagens mais conhecidas do Novo Testamento. O semeador aqui representa o Senhor Jesus Cristo espalhando o Evangelho, a Palavra de Deus. Precisamos perguntar a nós mesmos com que tipo de solo nosso coração mais se parece. Isso pode ser uma tarefa desagradável, porem útil, pois corremos o risco de fingirmos sermos algo que de fato não somos.
O primeiro tipo de chão é duro, bem compactado onde não permanece nenhum traço da semente que é lançada nele. Essas são as pessoas que se recusam a ouvir a Palavra de Deus ou a mensagem da Bíblia.
O segundo tipo é pedregoso. Muitos gostam de ouvir o Evangelho, mas não se aprofundam; portanto, qualquer influencia negativa, qualquer luta qualquer problema, ele desaparece some da igreja, ou seja, não tem raiz é fraco não é estabilizado. (Mt:7:26-27) E todo aquele que ouve estas minhas palavras e não as pratica será comparado a um homem insensato que edificou a sua casa sobre a areia;
 E caiu a chuva, transbordaram os rios, sopraram os ventos e deram com ímpeto contra aquela casa, e ela desabou, sendo grande a sua ruína.
O terceiro solo está infestado de ervas daninhas. O ensino da Bíblia é recebido com muita alegria, mas as varias ocupações da vida impedem a Palavra de Deus de trabalhar em nosso coração e de nos transformar, o trabalho a escola as coisas terrenas estão sempre em primeiro lugar e ai ele não resiste e morre.
Apenas o quarto solo da fruto. Foi bem preparado: nossa consciência está ativa, e o desejo de viver de acordo com os mandamentos de Deus dirige nossos pensamentos e ações. Aqui a semente do Evangelho  pode penetrar, criar raízes profundas e amadurecer.
Conclusão:
A pergunta para cada um de nos hoje é: Como tenho recebido a Palavra de Deus? Com um coração “honesto e bom” (Lc:8:15)? Com desprezo e indiferença? Com alegria, mas sem compromisso? Essa é uma questão que terá repercussões eternas, alem de toda a nossa imaginação. Amem que Deus nos abençoe e sejamos como o quarto solo que cresceu e deu frutos para Gloria de Deus.           
    

Um comentário:

  1. Creio que o mais importante é a nossa fidelidade a Deus, e se o nosso viver condiz com as nossas palavras decerto haverá grande fruto, e Jesus decerto será glorificado.
    Um abraço.

    ResponderExcluir